About Me

Minha foto
Vanessa Cardoso
Hi people, me chamo Vanessa Cardoso, sou de Belém do Pará e tenho 18 anos. Já acabei o ensino médio e batalho em busca de uma universidade, pelo curso de medicina. Criei esse blog com o intuito literário, mas como sei que não vou me controlar, também posso escrever sobre moda, culinária, cultura oriental (kpop, jpop, animes, doramas e etc.), boas séries e música. Espero que vocês curtam e se divirtam aqui!
Visualizar meu perfil completo

Seguidores

Vanessa Cardoso. Tecnologia do Blogger.
RSS

Resenha: Lonely Hearts Club | Elizabeth Eulberg


Autora: Elizabeth Eulberg
Editora: Intrínseca
Número de páginas: 238
Classificação:   

Sinopse:

Em seu romance de estreia, Elizabeth Eulberg, musicista na adolescência e beatlemaníaca de carteirinha, cria o Lonely Hearts Club, que se transforma no refúgio ideal para garotas que só precisam de uma coisa para recompor seus corações partidos: a companhia das amigas.
Em Lonely Hearts Club, após mais uma decepção amorosa, Penny Lane Bloom cansou de tentar, cansou de ser magoada e decidiu: homens são o inimigo e ela não irá mais namorar enquanto estiver na escola. Ao ver que, definitivamente, não é a única a sofrer nas mãos dos garotos nem a única aluna farta de ver as amigas mudarem completamente (quase sempre, para pior) só para agradar aos namorados, Penny decide criar o Lonely Hearts Club, o lugar certo para uma mulher que não precisa de namorados idiotas para ser feliz.
O clube, é lógico, vira o centro das atenções na escola McKinley e Penny é idolatrada por dezenas de meninas que não querem enxergar um namorado nem a quilômetros de distância. Jamais. Seja quem for. Mas será, realmente, que nenhum carinha vale a pena?
Quando pensava no verão, pensava em Nate. Quando pensava em amor, pensava em Nate. Quando pensava em qualquer coisa, pensava em Nate.
Eu sabia que naquele verão ia acontecer. Nate e eu ficaríamos juntos.
Quando vi pela primeira vez a capa de Loneny Hearts Club me apaixonei completamente e não é só por faz analogia com a famosa foto do Beatles e a um nome de cd e sim pelo que estava escrito – Porque ninguém precisa de namorado para ser feliz – não é preciso passar pelo o que a protagonista desse livro, pra entender o que essa frase significa (infelizmente, também já passei por isso, mas não vem ao caso).
Com uma narrativa fácil e bem acessível de ler – parece que o tempo não passa- a autora fala de um drama que a maioria das garotas no mundo já viveu, ter o seu coração partido, além de transmitir uma mensagem linda sobre amizade, que não é porque arrumamos um namorado, que deveremos mudar ou esquecer as pessoas que sempre estão ao nosso lado, nos momentos de alegrias e tristezas, as amigas.
O livro é divertido, com várias passagens de músicas de Beatles, é claro, e situações bem complicadas e humoradas. Amei ler o livro e recomendo para qualquer um que tenha um tempo sobrando e queira se deliciar lendo está obra.

  

  • Digg
  • Del.icio.us
  • StumbleUpon
  • Reddit
  • RSS

4 comentários:

Patricia Jabour disse...

Pelo que você diz, acredito que o livro seja realmente muito bom, pois, nada do que saber lidar com a tristeza com bom humor e tentar enxergar o mundo com outros olhos, não é mesmo? heheh
Gostei muito de sua resenha, e agora quero ler o livro =D

Camila Darc disse...

Só vejo resenhas falando bem deste livro, e a sua me fez pensar: PQ AINDA NAO COMPREI?!?!?!
hahaha'
beijos e sua resenha ficou otima!
http://nolimitedaleitura.blogspot.com.br/

Vanessa Cardoso disse...

Ah, obrigada. *-*

RC Mondschein disse...

Vi seu recado no skoob, já estou te seguindo. :)
A capa realmente chama atenção de primeira, bem interessante o livro.
Pena que a minha lista tá mais para uma biblioteca para ser lida. xP
E o dinheiro anda curtinho
http://porfavorsenhorita.blogspot.com.br/

Postar um comentário